Alayr Corbani recebe homenagem do Panathlon Club - Foto: Luizinho

Ex-dirigente do Esporte Clube Quiririm e morador do Distrito, seu Alayr Corbani, 84 anos, à convite do Panathlon Club de Taubaté, recebeu na noite desta quarta-feira (22), a medalha e o certificado de “Resgate da Memória Esportiva de Taubaté”, em cerimônia realizada no clube da Associação de Taubaté.

Apaixonado pelo Esporte Clube Quiririm desde criança, Seu Alayr Corbani é de família tradicional italiana do Distrito.  É torcedor e foi jogador e dirigente do time de Quiririm, time do coração, onde se destacou pelo seu trabalho.


Nos dias de hoje, Corbani guarda histórias e registros do futebol da cidade, registros estes que colaboram há anos com pesquisas e jornalistas interessados no assunto.

“A gente fica muito contente, não tem nem como explicar, e a homenagem foi muito boa, eu encontrei muitos amigos lá e matei a saudade um pouco”, disse o homenageado.

Alayr Corbani com seu certificado e medalha - Foto: Douglas Castilho/Quiririm News

Alayr Corbani com seu certificado e medalha – Foto: Douglas Castilho/Quiririm News

Apaixonado pelo futebol, começou aos 8 anos de idade a gostar do E.C. Quiririm, time este que teve seu tio Estevão Corbani como um dos fundadores, “Fui crescendo, aí em 1945 eu comecei a jogar no juvenil e fui até 1955, aí em 58 entrei como diretor de esportes e fui até 68 e trabalhei com 5 presidentes, fiquei mais ou menos 30 anos no Quiririm”, conta Alayr Corbani.

Campeão Amador em 1963 e 1966 como dirigente do Esporte Clube Quiririm, Alayr guarda com carinho as fotos e principalmente as memórias de toda essa fase, que segundo ele, trás muitas lembranças boas, “Da muita saudade dessa época, era festa né, só festa”.

Em pé, Alayr posa para foto com a faixa de campeãoNo canto direito da fot

Em pé, Alayr posa para foto com a faixa de campeão no canto direito da foto

Atualmente, apenas o futebol amador da categoria de veteranos 40 está na ativa no Esporte Clube Quiririm, e por ordens médicas, Seu Alayr não vai mais a bera dos gramados, “O Quiririm foi campeão em 66 e eu quase morri, e por ordem médica eu tive que me afastar do futebol, não só do Quiririm, mas do futebol mesmo, mas eu fico aqui, torcendo para eles serem campeões de novo”, conclui.

Enciclopédia viva do futebol taubateano e em especial de Quiririm, Corbani diz estar organizando suas memórias e registros para um dia talvez lançar um livro, “Eu tenho muita coisa, mas está meio bagunçado, o Marcio (neto), ficou de passar as coisas para mim”, disse o historiador se referindo a uma possível publicação.

O Panathlon Club de Taubaté, entidade que o homenageou, busca através do esporte uma melhor formação, educação e solidariedade entre homens e nações.

Confira outras notícias:
Clique aqui e confira as últimas notícias do Portal Quiririm News

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.