Foto Ilustrativa - Créditos: Douglas Castilho / Quiririm News

Na última sexta-feira (22), a Polícia Militar juntamente com a Polícia Civil, a Polícia Técnico-Científica e o DETRAN (Departamento de Trânsito), realizaram em Taubaté, a Operação de fiscalização aos condutores de veículos suspeitos de dirigirem sob a influência de álcool ou substância psicoativa que cause dependência.

Realizada no período noturno, a Operação ocorreu em diversos locais da cidade, onde 144 condutores fizeram o teste do bafômetro. Desse total 12 pessoas foram autuadas e quatro pessoas presas em flagrante.


A “Operação Direção Segura Integrada”, como foi chamada, consistiu em três partes, sendo a primeira delas uma triagem onde o condutor era convidado a se submeter ao teste do bafômetro por agentes do DETRAN.

Se o aparelho indicasse qualquer dosagem alcoólica, o condutor passava por uma segunda etapa feita por policiais militares que o submetiam novamente ao exame com outro bafômetro de maior precisão. Caso o valor aferido no aparelho tenha sido entre 0,05 e 0,33 mg/L (miligramas de álcool por litro de ar alveolar), o condutor recebia multa gravíssima, suspensão do direito de dirigir por 12 meses e retenção do veículo.

Sendo apurado pelo bafômetro da Polícia Militar valor superior a 0,33 mg/L, o condutor, além de sofrer as penalidades da etapa anterior, era então levado à terceira parte da Operação onde, no local, um Delegado de plantão, ratificava a voz de prisão em flagrante delito por conduzir veículo embriagado, podendo, contudo, responder em liberdade mediante a pagamento de fiança.

Os motoristas que se recusaram a submeter-se ao teste do bafômetro em qualquer das etapas, eram encaminhados para um médico no local, que realizava exame clínico e determinava as condições do condutor para dar prosseguimento à fiscalização.

A Operação realizada conjuntamente com vários Órgãos teve por finalidade acelerar o processo de fiscalização dos condutores, adotando todas as providências necessárias no mesmo local, e conscientizar a população sobre não ingerir bebida alcoólica quando na condução de veículos automotores.

A lei:

O valor da multa para o condutor autuado é de R$ 1.915,40, com 7 pontos na CNH ( Carteira Nacional de Habilitação), e respondem administrativamente junto ao DETRAN. Em alguns casos o motorista pode responder na justiça por crime de trânsito, e a pena varia de seis meses a três anos de detenção.

Confira outras notícias:
Clique aqui e confira as últimas notícias do Portal Quiririm News

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.