Ainda na briga: E.C. Taubaté vence Água Santa e mantém chances de classificação

Burro da Central venceu fora de casa o líder do Campeonato Paulista – A2

Jogadores do Taubaté comemoram o gol - Foto: Bruno Castilho/EC Taubaté

Fora de casa e contra o líder do Campeonato Paulista da série A2, o E.C. Taubaté encontrou o caminho da vitória e conseguiu um ótimo resultado neste sábado (23) ao vencer por 1 a 0 o Água Santa, mantendo-se assim no G8 da da competição e com chances de classificação.

E. C. Taubaté participa de ação social com vítimas da tragédia de Brumadinho

As equipes enviaram cartas com palavras de consolo para moradores da região onde ocorreu o desastre

Equipe do E. C. Taubaté participa de ação social - Foto: Caique Toledo
No último final de semana, os jogadores das equipes masculina e feminina do Esporte Clube Taubaté participaram de uma ação social. O Clube colaborou com o projeto “Cartas de Amor para Brumadinho”, que enviou palavras de conforto e esperança para famílias vítimas da tragédia em Minas Gerais no mês passado.
A ação faz parte do projeto “Cartas Perdidas”, que envia correspondências para diversas ações sociais, e, desta vez, os materiais foram enviados para Brumadinho. As principais instituições esportivas da região foram convidadas a participar, e o Alviazul atuou com duas de suas equipes em destaque.
“Graças à solidariedade do povo brasileiro, poucos dias após a tragédia o governo de Minas informou que já não havia necessidade de doação de itens de primeira necessidade. Então pensamos: e que tal doarmos palavras de amor? Afinal, o amor também aquece o coração, alimenta a alma e cura feridas. As cartas são uma forma de demonstrarmos às famílias desabrigadas que elas não estão sozinhas. É uma corrente do bem para Brumadinho”., afirmou o jornalista Guilhermo Codazzi, criador do projeto, natural de Taubaté e torcedor do Burro da Central.
O elenco masculino, incluindo o técnico Marcelo Martelotte, estava em concentração para a partida diante do São Bernardo, no último sábado, mas fez questão de assinar uma carta com palavras de apoio às vítimas. Já as meninas do time feminino, que se reapresentaram na semana passada para a temporada que se aproxima, também escreveram uma carta e enviaram ao projeto.