Entramos no mês “Setembro Amarelo”, o mês em que nacionalmente é destacado a prevenção ao suicídio. Apesar do mês ser simbólico, todo dia é dia de agir na prevenção desse mal que afeta milhares de pessoas no mundo todo. Sabemos que o índice de suicídio tem se intensificado cada vez mais e isso é muito preocupante!

O suicídio é um ato deliberado que o indivíduo realiza consciente e infelizmente ele é tão frequente que provável você já tenha ouvido falar de um caso de suicídio próximo a você.
O suicídio é um comportamento com múltiplos determinantes e resultado de uma complexa interação de fatores biológicos e psicológicos, inclusive genéticos, culturais e socioambientais e, não está somente associado a acontecimentos da vida, mas sim sobre todo o contexto do indivíduo, como vive, reage, pensa, sente e se movimenta.
As pessoas tem medo de pedir ajuda, de serem julgadas e incompreendidas e escolhem sofrer caladas, muitas vezes devido ao tabu que envolve esse assunto.


Os estudos de suicidiologia indicam que 90% dos casos poderiam ser evitados!

Como ajudar?
Ao se deparar com uma pessoa que está apresentando sinais ou comportamentos suicida;
– Primeiramente o acolha;
– Ofereça a escuta;
– Não julgue;
– Não duvide;
– Não minimizei os riscos;
– Pergunte se houve outras tentativas de suicídio anteriores;
– Busque a ajuda de uma psicóloga para dar suporte emocional;
-Abrace;
-Fale palavras de incentivo e otimismo;

Temos que pensar de forma individual para cada pessoa, porque cada um carrega a sua história, crenças e angústias. No Brasil existem assistência para apoio de prevenção contra o suicídio. Veja abaixo:

– Centro de atenção Psicossocial (CAPS), com atendimento 24h – Telefone: (12) 3631-6645

– Centro de Valorização a Vida (CVV) socorro por meio de apoio emocional por telefone, email e etc. Tem como objetivo a escuta sem julgamentos. Ligue 141.

Para você que pensa em suicídio deixo essa reflexão:

A vida pode parecer sem sentido, o céu pode estar nublado, você se sente sozinho, incompreendido, sem esperança e triste…
Não é o fim para você, existe uma saída, há uma luz no fim do túnel, há uma porta aberta!
Não tire a sua vida, ela e preciosa, não deixe que essa dor aniquile todas as chances de um novo começo em sua vida.
A maior jaula são os nossos pensamentos, estando em sofrimento, nossos olhos param de ver que existe sim motivos para você continuar lutando. Desistir não vai mudar a sua história, mas você sim é capaz muda-la com uma escolha.
Escolha se permitir uma nova chance, acredite que o amanhã pode ser construído com muitas coisas boas para você, mas lembre-se depende de você se permitir viverl!
Preciso que se mantenha VIVO(A)!
Você vai fazer falta!
Você não está invisível!
Você é especial!
Você é vencedor (a)!
Acredite em dias de sol!
Acredite em você!
Permita viver isso!

A nossa história somos nós que construimos, aquilo que pensam ou falam sobre nós não nós define!
O que nos define são as nossas ações, por isso escolha Viver! Busque pela sua felicidade. Sempre há uma saída, acredite!!

A dor não vem em nossa vida para nós mobilizar, mas sim para nos fazer crescer. Quando passamos por um momento difícil e o vencemos, descobrimos em nós uma força jamais antes vista, e mais forte e sábios nos tornamos.
As vezes não percebemos o tamanho da transformação, mas sim, mudamos e toda a experiência nós fortifica cada vez mais. Há uma saída para você!

Jéssica Outani – CRP:128.720/06
Psicóloga Cognitiva Comportamental – Especialista em TCC

Confira outras notícias:
Clique aqui e confira as últimas notícias do Portal Quiririm News

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *