Foto divulgação: http://www.copa2014.sp.gov.br

Com o início da Copa do Mundo no próximo dia 12 de junho, quinta-feira, o Brasil vive novamente a experiência de sediar um evento de magnitude global. Com isso, cidades turísticas se prepararam para receber brasileiros e estrangeiros que possam visitar diversas regiões pelo país.

Um guia, criado pela Secretaria Estadual de Turismo e também pelo Comitê Paulista 2014, tem como objetivo promover o Estado de São Paulo durante a Copa do Mundo. No Vale do Paraíba, Serra da Mantiqueira e Litoral norte, 11 roteiros foram publicados no Guia Turístico da Copa , entre eles, cidades próximas a Quiririm como, Santo Antônio do Pinhal e Campos do Jordão, o que pode fazer com que turistas visitem o Distrito.

Em Quiririm, a gastronomia é um atrativo forte, com excelentes restaurantes e cantinas, o turista que passar por Quiririm, pode assistir aos jogos da Copa em telões e TVs disponíveis em algumas cantinas, e ainda, visitar o Museu da Imigração Italiana de Quiririm e o Museu da Agricultura.

“Durante o período da Copa, o Museu da Imigração Italiana estará funcionando normalmente, fechando apenas nos períodos em que houver jogo da seleção brasileira. Embora não haja na cidade nenhuma ação específica para atrair e ampliar o fluxo de turistas, acredito que Quiririm pela sua localização estratégica e pelos atrativos gastronômicos e culturais que possui possa ser uma excelente opção para esses turistas que estão de passagem para as cidades da Serra da Mantiqueira”afirma Alexandre Malosti, gestor cultural do museu.

Outra opção é conhecer as centenárias, Igreja de Nossa Senhora da Conceição e a Capelinha de Nossa Senhora Aparecida.

Por fim, Quiririm reserva uma bela vista da Serra da Mantiqueira e de seu tapete verde das plantações, que podem ser vistas do alto do Mirante, na Praça Antônio Naldi.

Além das duas cidades da Serra da Mantiqueira, São Luiz do Paraitinga, Cunha, São Bento do Sapucaí, Ubatuba, Caraguatatuba, São Sebastião, Ilha Bela e São José do Barreiro, compõem o guia.

Foram destacadas 50 cidades em 235 páginas, mostrando o que cada uma oferece de melhor. Com dicas hoteleiras, alimentícia e úteis ao turista.

Apesar  de abrigar muitos museus, ter em Quiririm um polo gastronômico, e abrigar o internacionalmente conhecido, Sítio do Picapau Amarelo e as obras de Lobato, a cidade de Taubaté não foi citada no guia.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *