O presidente da Câmara de Taubaté, Paulo Miranda (MDB), anunciou na sessão do dia 10 a abertura do sinal da TV Câmara Taubaté, pelo canal digital 4.2. A transmissão teve início na quarta-feira, 4, para toda a cidade. Agora são 24 horas com conteúdo próprio, exclusivo da TV Câmara Taubaté. Para sintonizar, é necessário refazer a busca de canais em sua televisão.

Paulo Miranda ressaltou a importância de viabilizar o sinal aberto, que vai ampliar o alcance das informações do Legislativo de Taubaté.


“Na Câmara acontecem discussões de extrema relevância, que impactam na vida dos taubateanos, e mantê-los informados sobre os temas de destaque no município é fundamental para a democracia”, afirmou o presidente.

Desde 15 de junho de 2004, a TV Câmara Taubaté está no ar pela TV a cabo, e em 2014 ela começou a fazer parte da rede legislativa em busca da abertura do sinal. As discussões para abertura do sinal da TV tiveram início na presidência do ex-vereador Carlos Peixoto, em 2014, e prosseguiram nas gestões de Rodrigo Luis Silva “Digão” (2015), Paulo Miranda (2016), Diego Fonseca (2017-2018) e Boanerge (2019-2020), culminando com a consignação, em 8 de setembro de 2020, do canal aberto, publicada por meio de portaria do Ministério das Comunicações.

O sinal transmissor é dividido em quatro canais, e, graças a uma parceria com as casas legislativas federais e estadual, a TV Câmara Taubaté passa a integrar a Rede Legislativa, com a TV Câmara Brasília (canal 4.1), TV Assembleia (4.3) e TV Senado (4.4).

A Rede Legislativa é a primeira rede de emissoras de televisão a se formar no Brasil tendo como base tecnológica a multiprogramação, ou seja, um canal digital que dá origem a quatro.

Até então, somente Jacareí possuía a autorização de sinal aberto no Vale do Paraíba, e o canal foi um dos primeiros do país a ter o direito de transmissão para todo o município. Agora, Taubaté recebe esta novidade, e a população pode contar com mais uma ferramenta para acompanhar os trabalhos de seu representante e fiscalizar o município.

De acordo com o diretor de Comunicação da Câmara, Júlio Rocha, a transmissão teve início em caráter experimental, que é um teste de serviços, e alguns ajustes ainda estão sendo feitos.

Confira outras notícias:
Clique aqui e confira as últimas notícias do Portal Quiririm News

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *